Pular para o conteúdo
Anúncios

O que podemos fazer para nossos filhos terem hábitos alimentares saudáveis?

Desde que Luana, hoje com 11 anos, começou a comer sozinha escuto quase que diariamente a pergunta: “Mamãe, posso ficar só hoje sem comer salada?” minha resposta é sempre a mesma, “NÃO!”

Já fui taxada de radical, e outras palavras mais, por causa de minha postura alimentar com as meninas. Não me importo! Quero ter a certeza que o trabalho de base foi feito e se um dia decidirem, ao sair de casa, não se alimentar mais assim, vou lamentar, mas minha consciência vai estar tranquila.

Muitas vezes a alimentação saudável pode parecer difícil de ser seguida, mas na verdade é bem simples: precisamos daqueles nutrientes dos alimentos que a natureza nos oferece, ou seja, quanto mais natural e  integral for o alimento que você coloca na mesa de sua casa, mais fácil será conseguir os nutrientes que seus filhos precisam para serem saudáveis.

Lógico, que na prática  sabemos que muitas vezes as coisas não vão funcionar desta forma. Nossos filhos nem sempre comem o que oferecemos. E quando estiverem maiores farão as próprias escolhas. Como podemos então ajudá-los a crescer, alimentando bem e   que possam continuar fazendo escolhas saudáveis quando estiverem fora de nossa casa?

De acordo com especialistas os alimentos que oferecemos aos nossos bebês em crescimento podem ajudar a moldar seus padrões alimentares à medida que crescem.

Se oferecemos apenas coisas doces como bananas, batata-doce, maçã provavelmente irão preferir um paladar mais doce. Tente começar com algo como espinafre e brócolis antes de apresentar o doce. Troque uma idéia com o pediatra.

À medida que seu filho cresce, tente continuar oferecendo mais vegetais do que frutas e doces. O paladar de cada criança é diferente, então será mais fácil para alguns do que para outros, mas vale a pena o esforço.

Minhas filhas demonstram interesse em cozinhar sempre que as convido. Muitas vezes, quando resolvo fazer alguma receita nova, com legumes e ingredientes integrais, sei que a chance das meninas experimenta-la é pequena e uma boa estratégia é pedir uma ajuda para cozinhar, sendo assim elas mostram bem menos resistência, e muitas vezes comem com gosto, sabendo que ajudaram a fazer aquele prato!

Falo abertamente com as meninas sobre como certos alimentos podem realmente fazer mal à saúde. Na maior parte das vezes esses alimentos são açucarados, com farinha refinada ou alimentos muito industrializados.

O vício em açúcar é uma coisa real, muito perigosa e não é algo que queremos para nossos filhos. Sabemos que o mecanismo de ação do açúcar no cérebro é bem semelhante ao das drogas, além de causar a obesidade e diabetes tipo 2 mais tarde na vida.

Na prática as coisas aqui em casa funcionam mais ou menos assim, não compro, não ofereço, mas permito de vez em quando fora de casa: refrigerantes, bolachas recheadas, doces, etc…

Sempre tenho à vontade na cozinha: frutas, legumes, iogurte, castanhas, leite, cereais integrais.

Como adoro cozinhar, estou sempre buscando receitas novas com ingredientes frescos e nutritivos.

Conseguir que nossos filhos comam de maneira saudável pode, às vezes, ser uma luta, mas é uma luta de amor e que podemos sair vitoriosas com o tempo. Mesmo que pareça que nada está funcionando, nossos filhos absorvem mais do que podemos imaginar. ]

Na minha casa, quando criança, tive a sorte de ter pais que tiveram a preocupação com a alimentação de qualidade e hoje sigo este exemplo. Queremos que nossos filhos cresçam saudáveis, não queremos? de quebra nos mantemos saudáveis também! Vamos seguir firmes fazendo nosso melhor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: